Ao mesmo tempo em que os gases poluentes estão gradativamente prejudicando o nosso planeta, a preocupação da sociedade com essa questão está aumentando.⠀

Um dos principais poluentes são os gases que os carros emitem na atmosfera. Dessa forma, os carros elétricos tendem a se popularizar.⠀

O fator que está impedindo o crescimento e a popularização desse tipo de veículo é o seu alto custo de produção, que é revertido no valor de venda.⠀

Porém, muitos especialistas, inclusive de grandes marcas como a Nissan, afirmam que os entraves técnicos estão sendo rapidamente superados com novas tecnologias e a promessa de veículos elétricos mais baratos está prestes a se tornar realidade.⠀

Esse cenário está sendo chamado ponto de virada da competitividade dos carros elétricos e está previsto para por volta de 2022.⠀

Atualmente, a China é o país com mais carros elétricos em circulação. Entre janeiro e setembro de 2018, 227 mil veículos elétricos foram vendidos no país. Durante o mesmo período, os Estados Unidos venderam 61,000 e a Noruega 24,000.⠀

A tendência é que a partir de 2022 esses números aumentem consideravelmente em todo mundo. As novas formas de mobilidade sustentável, sejam os carros, patinetes ou scooters elétricas chegaram para ajudar o planeta e revolucionar a vida nas grandes cidades.⠀