Atualmente, a mobilidade urbana tomou conta do cenário de grandes metrópoles e, para se para se aproveitar dos novos meios de transporte, muitas pessoas pesquisam sobre como andar de patinete elétrico.

Para se ter uma ideia, em 2019, a Prefeitura do Rio de Janeiro registrou um aumento de 1268% na utilização de patinetes na cidade. Já em São Paulo, o número foi parecido e houve um crescimento de 1400% em relação ao ano anterior.

Mas para poder desfrutar de todas as vantagens da mobilidade urbana, é preciso saber, por exemplo, como andar de patinete, além de todas as regras para rodar com seu veículo elétrico com segurança. 

Saiba como andar de patinete elétrico e as regras de segurança

A utilização de um patinete elétrico é simples. O primeiro passo é ajustar a altura do guidão, de maneira que fique confortável ficar com as duas mãos nele. Após o ajuste, lembre-se de acionar a trava de segurança do guidão.

Para começar a rodar, alguns modelos contam com a partida por botão, igual a motos com ignição elétrica, e em outros é preciso fazê-los pegarem no tranco. Para isso, o usuário deve fixar uma perna sobre o patinete e a outra no chão para dar um impulso para que o equipamento comece a se movimentar e acione o motor.

Já para acelerar e frear, os patinetes elétricos também são bem parecidos com motocicletas, em que você pode controlar a aceleração a partir de um acelerador rotativo manual que fica no guidão e, para frear, basta acionar a alavanca que fica bem à frente do guidão.

Leia mais: Planejamento urbano para os patinetes

Conheça as regras gerais de segurança e rodagem em vigor nas principais cidades do Brasil

Agora que você já sabe, na teoria, como andar de patinete elétrico, é preciso conhecer as principais regras de segurança e de rodagem das principais metrópoles do país. Confira:

  • Para os maiores de 18 anos, é permitido o uso do patinete em ciclovias, ruas de lazer e vias cujo limite de velocidade seja de até 40 km/h. 
  • É obrigatório o uso de capacete
  • É proibido trafegar em calçadas.
  • A velocidade máxima permitida no patinete é de 20 km/h
  • É permitido levar cargas de até 5 kg. 
  • Animais e outros passageiros estão proibidos.
  • Os patinetes devem possuir indicador de velocidade e um artifício sonoro, tipo buzina, para evitar acidentes
  • Os equipamentos devem conter sinalização noturna dianteira, traseira e lateral.

Nesse ponto, é válido lembrar que as regras podem ser diferentes na sua cidade. Por isso, antes de adquirir o seu patinete elétrico, confira a legislação do seu município.

Leia mais: Saiba mais sobre a importância dos acessórios de segurança

Adquira seu patinete elétrico de uma empresa que oferece grande rede de assistência técnica

Agora que você já sabe como andar de patinete elétrico e todas as regras básicas e gerais sobre segurança e utilização do equipamento, é hora de procurar os melhores modelos para você desfrutar de toda a agilidade e economia da mobilidade urbana.

Para te ajudar, a E-Motors é uma empresa que chega ao mercado como uma nova alternativa de mobilidade sustentável.

Trabalhamos com scooters elétricas e patinetes certificados pelos órgãos competentes, peças com qualidade diferenciada, 6 meses de garantia e ampla cobertura com assistências técnicas por todo o país.

Acesse nosso site, confira nossas promoções e compre um patinete, scooter ou bike com a segurança e a tranquilidade que só a E-Motors oferece!